Volume exportado de carne bovina avança 21,4% em março, diz Abiec

14/04/2016

As exportações brasileiras de carne bovina avançaram 21,4% em março, para 140 mil toneladas, ante vendas externas de 116 mil toneladas registradas em março de 2015. Em receita, a alta foi de 7,8%, somando US$ 518 milhões, ante US$ 481 milhões.

Os dados são da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec) e consideram a carne in natura, industrializados, cortes salgados e miúdos.

No comparativo mensal, as exportações também registraram aumento. O comércio externo do segmento avançou 10,3% em volume e 5,5% em faturamento ante o verificado em fevereiro deste ano.

Entre os dez principais países importadores, destacam-se o Egito, China e o mercado recém conquistado da Arábia Saudita. Para o Egito, em março foram exportadas mais de 23 mil toneladas, um crescimento de 126,8% ante ao mesmo período do ano passado.

A China que, está em quarto lugar no ranking, comprou o equivalente a quase US$ 62 milhões, pouco mais de 15 mil toneladas de carne brasileira. Já a Arábia Saudita, no seu mês de retomada, entra na nona colocação, com pouco mais de 3 mil toneladas, gerando um faturamento de US$ 11 milhões.

No acumulado do ano, foram exportadas 367 mil toneladas de carne bovina, volume 15,94% superior ao verificado no primeiro trimestre do ano passado. Já a arrecadação dos três primeiros meses foi 1,24% maior, na mesma base de comparação somando US$ 1,384 bilhão.

De acordo com o presidente da Abiec, Antônio Jorge Camardelli, os resultados das exportações no primeiro trimestre confirmam a expectativa para 2016 de um faturamento próximo a US$ 7,5 bilhões e volume de cerca de 1,76 milhão de toneladas.

Fonte: G1/ foto: Anderson Viegas